BIHUB PATH

16 July, 2020

WIMU E BARÇA, UMA HISTÓRIA DE UNIÃO E SUCESSO, I

Análise e Tecnologia Desportiva

INSCREVA-SE PARA O CERTIFICADO EM TECNOLOGIA E CIÊNCIAS APLICADAS AO ESPORTE

entrar
318K

Em 2015 foi o momento em que as revistas de tecnologia despertaram o interesse no Data Analytics e como ele transformaria o mundo do esporte. Os especialistas concordavam que, para isso, seria fundamental coletar informações e projetá-las em uma plataforma de análise, algo que começou a ser realizado mediante o uso combinado do EPTS e programas de cálculos para os quais as informações coletadas por estes dispositivos seriam transferidas. Uma das equipes pioneiras na adoção deste sistema foi a do FC Barcelona, graças à iniciativa do corpo técnico e do desenvolvimento do dispositivo WIMU PRO em parceria com a Real Track Systems.

O EPTS, atualmente utilizado pelo clube para todos os esportes, foi implantado na segunda equipe de basquete durante a temporadas de 2015/2016. Durante as temporadas seguintes foi utilizado em todas as modalidades dos esportes indoor, iniciando oficialmente o co-desenvolvimento com a empresa fabricante e com a participação do Barça Innovation Hub. Um processo que resultaria na adoção do dispositivo pela primeira equipe de futebol na temporada de 2017/2018, substituindo o até então utilizado e estendendo o uso nos treinamentos de todas as modalidades de esporte do clube.

A princípio foram usados vários modelos de EPTS de diferentes fabricantes. O objetivo era identificar, entre todos os dispositivos de alta performance disponíveis no mercado, qual o que melhor se adaptaria às necessidades do Barcelona. Mas obter múltiplos dispositivos poderia ser um problema, isto pelo fato de cada um apresentar tipos de linguagem e tecnologia específicos, o que poderia ocasionar um grande esforço no agrupamento destas informações assim como transformá-las em leituras úteis, mediante a volta dos programas de uso comum.

Depois de vários testes nas equipes principais, chegou-se à conclusão de que todos apresentavam tanto pontos fortes quanto debilidades. Nenhum deles se adaptava completamente às necessidades esportivas, científicas e técnicas do Barcelona e cada uma das cinco modalidades de esportes do clube. Para conseguir isso era preciso que uma das empresas fabricantes estivesse disposta a desenvolver a tecnologia em parceria com o corpo técnico e o BIHUB.

A oferta poderia ser muito atrativa para os desenvolvedores, pois as informações de referência necessárias para aprimorar a precisão de um EPTS são muito complexas de se alcançar. Um dispositivo deste tipo tem que se adaptar aos atletas de alto rendimento, cuja quantidade é reduzida em todo o mundo, gerando assim um número reduzido de informações aplicáveis ao desenvolvimento dessa tecnologia. Sobretudo são informações simples e altamente confidenciais. Trabalhando com o FC Barcelona, a empresa poderia ter acesso a parte dessas informações e o clube acabaria contando com um EPTS perfeitamente adaptado às suas necessidades e particularidades. Finalmente, a Real Track Systems, de Almería, uma das startups que estávamos trabalhando, foi a que melhor se adaptou aos desafios com grande capacidade técnica, potencial de melhoria e desenvolvimento.

A versão do Wimu atualmente utilizada pelo Barcelona

 

Ao aceitar o co-desenvolvimento, iniciou-se uma colaboração que provou ser um exemplo perfeito de união entre a empresa de tecnologia e o clube esportivo. Também é uma amostra, até hoje, do que podemos conseguir neste laboratório para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia do esporte que é o BIH. Agora o clube pode ter treinamentos mais eficazes e conseguir melhores resultados para os conceitos táticos assim como reduzir a incidência de lesões nos atletas. As informações de um mesmo campo de treinamento são organizadas da mesma forma ao estarem agrupadas em um único dispositivo, sendo sua quantidade superior ao do início da implantação dos EPTS. Isso permite monitorar perfeitamente o trabalho realizado por cada atleta e, consequentemente, os preparadores físicos sentirão mais confiança na tomada de decisões. Assim como podemos preparar melhor preparar as condições humanas do atleta, obtendo assim, o resultado que o técnico almeja.

O primeiro ano de trabalho em comum foi direcionado para as melhorias do próprio WIMU PRO. Semanalmente, os 25 técnicos do Barcelona se reuniram em workshops internos para discutir as métricas do dispositivo, sua confiabilidade e a facilidade de uso. Na sequência, eram gerados relatórios KPI para a Real Track com indicadores fundamentais de desempenho e a empresa incorporava essas alterações no projeto, fazendo os ajustes necessários na tecnologia utilizada para se conseguir melhores resultados. Um desenvolvimento específico foi o de preparar o sensor ANT+ que estava incorporado para registrar todas as informações da eletromiografia realizada com outro dispositivo. E foi desta maneira que conseguimos o máximo de precisão com o EPTS, tornando suas medições mais funcionais para os preparadores físicos e o técnico.

Aspecto atual do Wimus no compartimento

Uma das características determinantes para estender o uso do WIMU PRO às cinco modalidades esportivas existentes no Barcelona, foi a tecnologia híbrida de transmissão das informações. Conforme informado na edição anterior desta série, o sistema duplo que o GPS e radiofrequência de banda larga UWB utilizam minimiza erros decorrentes da perda de informações, assim como possibilita o uso do dispositivo apenas com a UWB em locais fechados sem cobertura do sistema de navegação por satélite.

A próxima etapa deste desenvolvimento em conjunto se concentrou justamente no software utilizado para coletar e interpretar todas as informações do dispositivo. Também foram muitos meses de trabalho, mas contaremos na segunda edição, “Wimu e Barça, uma história de união e sucesso, II”.

 

 

BIHUB team

NOTAS RELACIONADAS

NOVOS DADOS COMO AS EXIGÊNCIAS FÍSICAS DOS FUTEBOLISTAS VARIAM CONSOANTE A SUA POSIÇÃO

Muitos dos inúmeros estudos a esse respeito, contudo, analisam essas exigências tendo apenas em conta algumas variáveis ou empregando janelas de tempo muito alargadas. Um novo estudo realizado por preparadores físicos do F.C. Barcelona analisou vários desses dados com mais precisão.

Graus de liberdade ou de escravidão?

A compreensão das variáveis modificadoras do jogo, com base nos graus de liberdade.

ESTABILIDADE OU INSTABILIDADE, É ESSA A QUESTÃO?

A importância de construir um modelo de jogo no futebol.

¿VOCÊ QUER SABER MAIS?

  • ASSINAR
  • CONTATO
  • CANDIDATAR-SE

FIQUE ATUALIZADO COM NOSSAS NOVIDADES

Você tem dúvidas sobre o Barça Universitas?

  • Startup
  • Centro de investigação
  • Corporate

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.