BIHUB PATH

October 14, 2021

Futebol
Rendimento

Três dicas para tornar-se técnico de futebol de sucesso

By BIHub Team.

Como técnico, seus objetivos são vencer todas a maior quantidade partidas possível e que seu time tenha o melhor desempenho, não é mesmo? Nós também falamos o mesmo idioma quando pensamos na necessidade de que nossos times tenham o melhor desempenho como um grupo, não é isso?

Sabemos o quão difícil é. Realmente pode ser difícil, mas não impossível. Não falamos somente da coordenação de onze pessoas com diferentes personalidades, histórias de vida e dificuldades muito diferentes, mas sim de conseguir uma sincronização dentro do time expressiva e apresentar-se como uma verdadeira equipe. Uma ótima equipe é aquela que vença com frequência! Um objetivo complexo, mas totalmente viável. É por isso que gostaríamos de compartilhar com você algumas dicas para que se torne um/a melhor técnico/a. Acha isso interessante? Siga lendo!

Primeira dica: seja objetivo e claro nos seus comentários

Esta é uma dica que você deveria escrever com letras maiúsculas e destacar no seu caderno de notas. Os atletas aprendem melhor se recebem estímulos periódicos, específicos, esclarecedores e todas as vezes que entrarem em campo. Entretanto, as críticas ou os conselhos esporádicos e superficiais, tais como “muito bem” ou “poderia ser melhor” não muito vagos e não demonstram adequadamente os objetivos, já que só fomentam a desmotivação ou a falta compreensão dos atletas. Então evite fazer comentários abstratos ou vagos e seja mais preciso e objetivo (sejam esses comentários positivos ou não). Por último, não somente descreva o que seus atletas fizeram de bem ou de mal. Vá além: dê instruções claras e objetivas para toda a equipe, com respostas e soluções.

Por exemplo, evite frases como: “Esse foi seu chute. Chute com mais vontade!” Em vez disso afirme: “você chutou a bola com precisão, mas da próxima vez chute com mais precisão para que seus companheiros finalizem a jogada. Quando chutar, aprimore os movimentos do pé quando for para trás”.

Segunda dica: concentre-se na comunicação verbal e na não verbal

A comunicação é fundamental entre o técnico e os membros da equipe. Lembre-se de explicar à equipe o que realmente você espera deles de forma clara e precisa, sendo sempre objetivo/a e claro/a. Prefira usar uma linguagem simples, direta e educada. Não se esqueça de informar somente o que for necessário e o mais importante: escute sua equipe. Pia Sundhage, técnica da seleção feminina de futebol brasileira, fomenta com suas atletas o emprego de muito diálogo sobre os fatos positivos que aconteceram seja durante treinamentos ou competições.

Entretanto, comunicar-se de maneira objetiva vai além das palavras usadas no discurso, ou seja, é fundamental levar em consideração os aspectos não verbais, a conhecida linguagem corporal. Como técnico/a devemos transmitir confiança através de gestos. Desta forma, olhar diretamente nos olhos, mostrar as palmas das mãos, mover-se lentamente ou manter uma postura ereta são ações importantes para fortalecer nossa fala. Excessos de gestos ou movimentos dão a clara impressão de insegurança. Evite gestos expressivos, tais como coçar ou tocar no rosto e ainda brincar com qualquer objeto, pois esses gestos podem passar outra impressão.

Terceira dica: pense bem sobre o desempenho físico dos seus atletas

Pode que esta dica seja confusa, mas o rendimento psicológico e mental dos atletas antes de uma partida é tão importante como a preparação física. Para isso, é necessário estabelecer rotinas de treinamento, referências claras ao longo de uma partida ou também representações visuais para aproveitar o tempo ocioso.

Pense em exercícios mentais para sua equipe que sejam atrativos e estimulem a concentração e meditação. Muitos atletas de diferentes esportes normalmente utilizam eles na sua rotina. Pau Gasol, um dos maiores referentes no basquete, afirmou o quanto gosta destas atividades, além disso ele é budista zen. Em função destas escolhas aprendeu a interpretar equilibradamente as coisas, trabalha a autoconsciência, desfruta do presente e mantém a mente calma; aspectos de grande utilidade para todos os atletas de elite.

Ter a mente serena e tranquila ajuda na redução do stress e da ansiedade, e a desenvolver técnicas de controle emocional. Ler um livro, passear ou mesmo escutar músicas são formas de chegar a essa serenidade. De uma forma em geral, a meditação facilita o controle das emoções para responder à estímulos externos e melhora muito o desempenho. Como técnico/a você deve saber qual o caminho do sucesso, certo?

Realmente você se preocupa em melhorar suas habilidades e potencializar seu conhecimento? Gostaria de tornar-se um técnico/a profissional? Viste o site do Barça Coach Academy, pois assim podemos tornar seu sonho uma realidade. Clique aqui.

KNOW MORE

¿VOCÊ QUER SABER MAIS?

  • ASSINAR
  • CONTATO
  • CANDIDATAR-SE

FIQUE ATUALIZADO COM NOSSAS NOVIDADES

Você tem dúvidas sobre o Barça Universitas?

  • Startup
  • Centro de investigação
  • Corporate

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.