BIHUB PATH

September 15, 2021

Futebol

Como o VAR tem mudado o futebol?

By Carlos Lago Peñas.

Ao longo de um jogo de futebol, os árbitros precisam tomar ao redor de 130 decisões, com pouquíssimo tempo para analisar o acontecido. O risco de falha é alto, e um erro pode ter um impacto direto no resultado final do encontro. Alguns fatores como o efeito Flash-lag (a dificuldade de perceber a posição de um objeto quando alguma outra coisa está acontecendo ao mesmo tempo), o ruído ambiente, os relatos dos jogadores sobre aquilo que tem acontecido no jogo, ou a fatiga podem fazer o árbitro tomar decisões erradas. A inclusão do sistema de Árbitro Assistente de Vídeo ou Vídeo Assistant Referee em inglês (VAR) por parte da Fédération Internationale de Football Association (FIFA) em 2018 no regramento do jogo, visa ajudar o árbitro na tomada de decisões. O VAR foi incorporado nas ligas principais europeias na temporada 2017/2018 na Itália e Alemanha, e na 2018/2019 na Espanha, França e Inglaterra, ainda que tenha sido testado pela primeira vez na temporada 2012/2013 na liga holandesa.   

A filosofia da tecnologia do VAR é bastante clara: interferência mínima, benefício máximo. O VAR tem que ajudar na avaliação das decisões feitas pelo árbitro principal através das imagens de vídeo em três ocasiões: gols, pênalti, e incidentes de cartão vermelho nos quais exista confusão para identificar o jogador que será punido. Logo que o VAR tem conferido a gravação de vídeo, o árbitro principal é informado mediante fone de ouvido, e é ele que toma a decisão final. Ainda assim, mesmo com essas vantagens aparentes, existe um forte debate a respeito das consequências negativas desta tecnologia. Fala-se que poderia ser alterado o ritmo dos jogos por causa das pausas, o elevado custo económico da sua implementação, ou que os árbitros podem perder autoridade na quadra perante os jogadores. 

Quais foram os efeitos do VAR no jogo? Foram muitas ou poucas as mudanças no desenvolvimento das partidas? Nos últimos meses foram publicadas diversas investigações que têm permitido avaliar o impacto do VAR nas Série A italiana, La Liga espanhola, a Bundesliga alemã, ou a SuperLeague chinesa.1,2,3. Os resultados de todos eles sugerem conclusões similares:    

  • O número de faltas e fora de jogo tem se reduzido com a chegada do VAR. 
  • O tempo de jogo na primeira e segunda parte, e em total, tem se incrementado em média entre 30 e 120 segundos. A partida dura mais tempo, sobretudo na segunda metade. 
  • O tempo efetivo de jogo (tempo de jogo sem contar as interrupções), diminui ligeiramente, especialmente quando há mais intervenções do VAR. 
  • A cada 3,29 partidas, o VAR fez mudar uma decisão tomada pelo árbitro.4
  • Ao longo da temporada 2018/2019 em 27% das partidas em La Liga, houve intervenção do VAR: isto é, em 1 de cada 4. Além disso, o mais habitual é que a assistência seja por única vez.
  • Segundo dados fornecidos pela FIFA, durante a Copa do Mundo de 2018 o VAR facilitou que as decisões certas dos árbitros passassem de 95% para 99,32%.5
  • O viés dos árbitros em favor dos times melhor classificados se manteve: o prolongamento dos jogos é mais alto quando os melhores times estão perdendo do que quando os pontos são favoráveis para eles. 
  • A distância percorrida pelos jogadores acima de 21 km/h não tem mudado. Ainda assim, a distância total percorrida pelas equipes diminuiu levemente se comparados os jogos em que não houve intervenções do VAR, houve uma intervenção só, ou mais de duas: 108.916 m vs. 107.916 vs. 106.977 m.

Referências:

1 Errekagorri, I., Castellano, I., Echeazarra, I., & Lago-Peñas, C. (2020): The effects of the Video Assistant Referee system (VAR) on the playing time, technicaltactical and physical performance in elite soccer, International Journal of Performance Analysis in Sport. https://doi.org/10.1080/24748668.2020.1788350

2 Han, B., Chen, Q., Lago-Peñas, C., Wang, C., & Liu, T. (2020). The influence of the video assistant referee on the Chinese Super League. International Journal of Sport Science & Coaching. https://doi.org/10.1177/1747954120938984.

3 Lago-Peñas, C., Rey, E., & Kalén, A. (2019). How does Video Assistant Referee (VAR) modify the game in elite soccer? International Journal of Performance Analysis in Sport, 19(4), 646–653. https://doi.org/10.1080/24748668.2019.1646521

4 Petty, L. (2018). Analysing VAR: Could VAR affect home advantage? 321 https://www.pinnacle.com/en/betting-articles/Soccer/var-home322 advantage/U6N27PEZMNKJU9RB

5 Paul H. (2019). ‘VAR is cleaning football’: Fifa president Gianni Infantino holds court ahead of World Cup final, www.telegraph.co.uk/world-cup/2018/07/13/var-cleaning-football-fifa-presidentgianni-infantino-holds-court/.

KNOW MORE

¿VOCÊ QUER SABER MAIS?

  • ASSINAR
  • CONTATO
  • CANDIDATAR-SE

FIQUE ATUALIZADO COM NOSSAS NOVIDADES

Você tem dúvidas sobre o Barça Universitas?

  • Startup
  • Centro de investigação
  • Corporate

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.