BIHUB PATH

January 4, 2022

Futebol

A evolução do desempenho físico e técnico em LaLiga nos últimos 10 anos

By Carlos Lago Peñas.

Assim como em tantas outras atividades da vida diária, o futebol também evolui com o tempo. A combinação de fatores como a modificação das táticas e regras do jogo, o uso de novas tecnologias, a profissionalização do esporte ou a melhora na preparação dos jogadores tem causado mudanças na forma de jogar.

A evolução do Campeonato do Mundo

Por exemplo, Wallace e Norton (2014) estudaram a evolução do jogo tomando como amostra as partidas finais da Copa do Mundo no período 1966-2010. Eles identificaram um aumento de 35% no número de passes por minuto e um incremento de 15% na velocidade da bola. Assumindo uma tendência semelhante no futuro, a velocidade do jogo aumentará 5% entre 2010 e 2025 e 7% em 2030, atingindo um valor em torno de 9,8 m/s. Em termos de desempenho físico, na Premier League inglesa entre 2006/2007 e 2012/2013 a distância total percorrida aumentou 2%, enquanto as distâncias percorridas por sprint e corrida de alta intensidade aumentaram entre 30% e 50%. Embora, parece que estas exigências físicas e técnicas dependem da posição de jogo. Os jogadores em posições laterais e de ataque aumentaram a distância percorrida em alta intensidade em uma extensão maior do que os defensores centrais e os meio-campistas centrais. Em contraste, os jogadores centrais aumentaram o número de passes e a conclusão deles.

A jogabilidade do LaLiga muda

Uma publicação recente analisou a evolução do desempenho técnico-tático e físico de LaLiga espanhola durante 8 temporadas consecutivas, desde 2012-13 até 2019-20. O estudo foi baseado na análise de 1.267 jogadores que jogaram os jogos completos. No total, foram obtidas na competição 32.775 observações de desempenho individual. Os jogadores foram classificados em 5 posições diferentes:

  • defensores centrais (DC, número de observações= 9089),
  • defensores laterais (DL, número de observações= 7876),
  • meio-campistas (MC, número de observações= 8276),
  • interiores (I, número de observações= 3849) e
  • atacantes (A, número de observações= 3585).

As variáveis ​​físicas consideradas foram:

  • a distância total percorrida,
  • a distância percorrida em alta intensidade (HIR;> 21,0 km/h) e
  • o número de esforços em alta intensidade (N de HIR).

O desempenho técnico-tático examinou o número de passes, sucesso nos passes (%), passes curtos, passes longos, duelos aéreos, arremessos, interceptações, lançamentos e lances. O desempenho dos jogadores foi coletado usando o sistema de rastreamento TRACAB© usado pelo Mediacoach ©.

Os resultados sugerem algumas conclusões muito interessantes:

  • A distância total percorrida pelos jogadores diminuiu 3,2% na última temporada em comparação com a primeira, em todas as posições de jogo.
  • O número de esforços de alta intensidade aumentou ao longo das 8 temporadas, com mudanças que variaram entre 14,6% para DL e 9,2% para I.
  • Porém, enquanto DC (+ 8,2%), DL (+ 9,5 %), MC (+ 9,3%) e A (+ 8,0%) aumentaram a distância percorrida em alta intensidade entre 2012 e 2020, os I mal registraram diferenças no seu desempenho (+ 1,7%).
  • No geral, nenhuma diferença foi encontrada no número total de passes, passes curtos, passes longos e sucesso nos passes.
  • No entanto, os DCs aumentaram o número total de passes (+ 30,6%), passes curtos (+ 31,5%) e passes longos (+ 26,5%).
  • Os jogadores fizeram menos lançamentos (-46%) e menos lances (-40,8%) e 10% mais interceptações nas 8 temporadas analisadas.

Esses resultados, embora devam ser considerados com cautela devido à natureza complexa do futebol, demonstram que o futebol de alto nível está evoluindo significativamente e provavelmente continuará a mudar no futuro. Além disso, parece que essa evolução não é a mesma em todos os países e competições analisados.

Figura 1. Desempenho individual físico e técnico-tático em LaLiga da temporada 2012-13 até a 2019-20 por posição de jogo.

Tabela 1. Desempenho individual físico e técnico-tático em LaLiga da temporada 2012-13 até a temporada 2019-20.

Referências:

1 Nassis, G.P., Massey, A., Jacobsen, P., Brito, J., Morten, B., Randers, M., Castagna, C., Mohr, M., & Krustup, P. (2021). Elite football of 2030 will not be the same as that of 2020: Preparing players, coaches, and support staff for the evolution. Scandinavian Journal of Medicine & Science in Sports, 30(6): 962-964.

2Wallace, J. L., & Norton, K. I. (2014). Evolution of World Cup soccer final games 1966–2010: game structure, speed and play patterns. Journal of Science & Medicine in Sports, 17, 223–228. doi: 10.1016/j.jsams.2013.03.016

3 Bradley, P. S., Archer, D. T., Hogg, B., Schuth, G., Bush, M., Carling, C., & Barnes, C. (2016). Tier-specific evolution of match performance characteristics in the English Premier League: it’s getting tougher at the top. Journal of Sports Sciences, 34, 980–987. doi: 10.1080/02640414.2015.1082614

4 Bush, M., Archer, D. T., Barnes, C., Hogg, B., & Bradley, P. S. (2017). Longitudinal match performance characteristics of UK and non-UK players in the English Premier League. Science and Medicine in Football, 1, 2–9. doi: 10.1080/02640414.2016.1233347

5 Bush, M., Barnes, C., Archer, D. T., Hogg, B., & Bradley, P. S. (2015). Evolution of match performance parameters for various playing positions in the English Premier League. Human Movement Science, 39, 1–11. doi: 10.1016/j.humov.2014.10.003

6 Yi, Q., Liu, H., Nassis, G.P., & Gómez M.A. (2020) Evolutionary Trends of Players’ Technical Characteristics in the UEFA Champions League. Frontiers in Psychology, 11:1032. doi: 10.3389/fpsyg.2020.01032

7 Lago-Peñas, C., Lorenzo-Martinez, M., López-Del Campo, R., Resta, R., & Rey, E. (2021) Evolution of physical and technical parameters in the Spanish LaLiga 2012-2019. Science and Medicine in Football, Ahead of print. 2021.

KNOW MORE

¿VOCÊ QUER SABER MAIS?

  • ASSINAR
  • CONTATO
  • CANDIDATAR-SE

FIQUE ATUALIZADO COM NOSSAS NOVIDADES

Você tem dúvidas sobre o Barça Universitas?

  • Startup
  • Centro de investigação
  • Corporate

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

Por favor, preencha os campos:

O formulário foi enviado com sucesso.